Archive for the 'Lição de Vida' Category

Homem perde 73 kg em 6 meses com dieta de cebola e alho!!!

Imagem croatiantimes

momir-zmiric

“Eu não queria seguir nenhuma dieta recomendada por médicos e também não queria tomar nenhum remédio porque eu sabia que a solução estava na minha cabeça. Por isso eu decidi de começar uma dieta e parar de fumar na mesma noite”, esta declaração é do croata Momir Zmiric de 42 anos, que é pintor de paredes e vive na cidade de Split (a segunda maior cidade da Croácia).

Segundo Momir: “Eu não podia correr 2 metros. Então eu decidi de parar de comer carne, batata, queijo, presunto e outras comidas gordurosas que eu gostava. Quando o peso começou a diminuir, eu comecei a caminhar bastante, nadar e pedalar”.

A sua dieta foi determinada pelos seus dois alimentos não calóricos favoritos: Cebola e alho em cima de uma bolacha com suco de cenoura. “Eu também comi outras coisas que não eram gordurosas”, admite Momir que algumas vezes comeu peixe mas ficou longe da carne vermelha.

“Para o almoço eu comia 2 kg de carne assada ou 1 frango inteiro. Então no casamento da minha irmã eu decidi de parar de comer do jeito que eu comia. Eu não conseguia me olhar no espelho. Eu fiquei um pouco bêbado naquela festa e quando eu voltei pra casa no meio da escuridão do meu quarto eu decidi que iria entrar em uma dieta. Em seis meses meu peso foi de 165 kg para 92 kg”, segundo Momir.

Mas nem tudo foram flores, ele enfrentou algumas crises.

“Eu fui insistindo na minha dieta. Teve momentos de crise mas eu queria perder peso e apesar de que os médicos dizem na mídia, eu me sinto bem. Você pode ver eu estou em forma”, disse o pintor.

“As pessoas me dizem que eu sou candidato para entrar no livro dos recordes. Eu não conheço ninguém que perdeu 73 kg em 6 meses. Mas eu quero mais, agora que eu não preciso de usar camisas 6 extra-grandes, eu uso somente extra-grande. Eu quero ficar igual ao Arnold Schwarzenegger nos seus melhores dias. Pode acreditar, em mais ou menos 1 ano, eu vou ficar igual ao Schwarzenegger”, disse Zmiric.

“Eu quero começar um website para ajudar outras pessoas e também pretendo escrever um livro para contar sobre as minhas experiências”, “O meu objetivo é ajudar a outras pessoas que estão acima do peso. Eu sei como muitas pessoas estão, a minha pressão era de 200, isso significa que você está a um passo da morte, hoje ela esta em 120. Corriqueiramente eu paro as pessoas que estão acima do peso na rua e pergunto quanto elas pesam e antes delas ficarem revoltadas eu mostro uma foto minha de 6 meses atrás que está no meu celular. Depois disso, elas começam a pensar sobre elas mesmas”.

E vocês o que acham da dieta do Momir Zmiric? Uma coisa eu posso dizer é que a sua força de vontade é de causar inveja. E você acha que ele vai ficar igual ao Schwarzenegger? Quando eu li, eu pensei que ele esta viajando na maionese mas se ele me dissesse 6 meses atrás que iria perder 70 kg em 6 meses eu ia ter o mesmo tipo de pensamento e ele conseguiu, por isso fico em dúvida.

Para concluir, eu penso que a força de vontade é a nossa principal arma, com ela podemos atingir qualquer meta, não importa o quanto seja difícil e o croata Momir é um exemplo disso.

Fonte: croatiantimes

Gostou deste post? Leia também:

Eu perdi quase 55 quilos

Agora você não vai ter mais desculpas para não fazer exercícios 🙂

Perder peso – Conheça a história de David Smith que perdeu 186 kg.

Uma travessia para a vida

Perdendo Peso com Estilo

Saiba quantas calorias o seu corpo queima

Se gostou deste post, assine o nosso RSS Feed

Ou receba o nosso Feed por Email

Anúncios

Eu perdi quase 55 quilos

tracey-wygalÉ difícil ver um dia em que você não irá encontrar Tracey Wygal malhando na acadêmia.

A professora Tracey Wygal com 30 anos faz 30 minutos de cardio, exercícios físicos e segue o que ela chama de uma “dieta limpa”.

Isso é uma mudança bastante drástica para uma mulher que há oito anos chegou a pesar 134 quilos.

Wygal começou a ganhar peso na adolescência. Uma dieta composta por fast-food e pouco ou nenhum exercício ajudou a adquirir os quilos extras e seu peso passou para mais de 90 quilos.

“Foi o meu primeiro ano fora do colégio, e esse número (peso), juntamente com o diagnostico que eu estava na faixa de obesos mórbidos foi muito assustador”, lembra Wygal. “Eu fui a vários médicos, para conseguir uma prescrição para medicamentos de perda de peso”.

Mas nenhum dos médicos receitou as pílulas que ela procurava. Em vez disso, um médico receitou uma dieta de 1600 calorias por dia e falou que ela precisava fazer exercícios.

Inicialmente, ela ficou chocada e se recusou a iniciar a dieta que ela pensava que era muito restritiva.  Mesmo que seu peso estava perto dos 140 quilos, ela acreditava que tinha uma boa alimentação e um estilo de vida ativo.

Mas quando ela começou a se sentir mais frustrada e o seu peso continuou a aumentar, ela finalmente decidiu que era hora de tomar controle da sua vida.

Wygal começou a anotar em um diário a quantidade de calorias que ela consumia diariamente e logo percebeu que estava comendo pior do que ela pensava.

“Fiquei espantada com quantas calorias eu estava comendo”, disse. “O diário me mostrou que eu realmente precisava prestar atenção sobre a quantidades de calorias que estava ingerindo e me ajudou a manter a minha dieta”.

Ela também começou a fazer exercícios.  No começo ela estava muito envergonhada para ir a uma academia, por isso ela comprou uma máquina elíptica e começou a treinar 15 minutos por dia em seu apartamento.

“Era tudo que eu podia fazer naquele momento. Eu não desisti”, disse ela. “Gradualmente, a minha resistência melhorou. Depois de perder cerca de 13,5 kg, eu decidi me matricular em uma academia pequena”.

Alguns meses depois, Wygal estava pronta para dar o próximo passo. Ela contratou um personal trainer e iniciou um programa de treinamento.

Em vez de se sentir intimidada, Wygal começou a gostar de fazer exercícios e as mudanças físicas que vinha acontecendo em seu corpo.  Pronto para dar o próximo passo, ela se matriculou em uma grande academia, começou a pesquisar sobre diferentes formas de exercícios e começou a fazer musculação.

Ao longo dos próximos três anos, ela perdeu 54,5 quilos e diminuiu sete números de vestido. Wygal, tem 1,77 de altura, diz que o medo de ganhar peso a motiva para manter-se fiel ao seu regime alimentar e exercícios porque ela nunca quer voltar aos 134 kg.

Agora confortável com o seu peso, ela diz que oscila entre 77 e 80 kg, Wygal malha pelo menos, cinco a seis dias por semana. Ela diz que o segredo para perder e manter o peso é ser honesto sobre o que você come, escrevendo-o e ser consistente. Ela quer que as pessoas saibam que podem perder peso, mas não há uma solução fácil.

“Isso não vai acontecer do dia para a noite”, aconselha Wygal. “Saiba que vai levar tempo, mas no final vale a pena”.

As dicas da Tracey Wygal para obter sucesso:

  1. Mantenha um diário alimentar.  Anote tudo o que comer e beber.  Calcule o total de calorias no final do dia.
  2. Seja consistente com os seus exercícios.  Crie um cronograma. Varie apenas quando for absolutamente necessário.
  3. Encontre um ginásio que acomode ao seu estilo de vida. (horários de funcionamento, opções de equipamentos, aulas oferecidas, etc.)
  4. Mude sua visão sobre a comida. Em vez de equiparar a comida com felicidade ou prazer, veja apenas como alimento ou como combustível para seu organismo continue funcionando.
  5. Seja realista em suas metas e programas. Saiba que vai levar um certo tempo para haver mudanças consideráveis, e não desista nunca!
  6. Pare de dar desculpas e faça acontecer!  Tenha a SUA SAÚDE como PRIORIDADE em sua vida.

Agora você não vai ter mais desculpas para não fazer exercícios :)

Sexta-feira eu sempre procuro um assunto mais leve para colocar no blog, afinal todos nós já estamos cansados devido ao stress da semana.

Hoje eu estava procurando fotos de atletas até quando achei estas fotos da paraolimpíadas de Pequim. Apesar de serem excelentes fotos não foi esse o fator determinante para que estas fotos fossem colocadas aqui no blog.

Apesar de estar escrevendo um blog sobre dietas e informações sobre como melhorar a sua saúde, neste último mês eu meio que deixei a desejar na questão dos exercícios, mas felizmente eu mantive o peso, o que na minha opinião é um fator positivo.

Na minha opinião estes atletas são os verdadeiros heróis que temos hoje em dia. Eles tinham tudo para ficarem deprimidos ou resmungando sobre como a vida não é justa mas decidiram seguir por um outro caminho e hoje são pessoas bem sucedidas e tiveram a honra de disputar uma olimpíada.

Ao ver estas fotos eu fiquei realmente emocionado e decidi que a partir de hoje eu realmente não tenho desculpas para não fazer exercícios. Eu agradeço de coração aos atletas paraolimpícos pela lição de vida que eu aprendi hoje.

Fonte: The Boston Globe

Gostou deste post? Leia também:

3 dicas de como controlar os seus desejos por doces e salgadinhos

5 dicas para quebrar o tédio dos exercícios

Modelos magricelas tem mais apelo junto as mulheres

7 Alimentos que você deveria comer todos os dias

Tome uma atitude. Ame o seu coração

Brasil é o 3º maior consumidor de inibidores à base de anfetamina

Uma travessia para a vida

Se gostou deste post, assine o nosso RSS Feed

Ou receba o nosso Feed por Email

Perder peso – Conheça a história de David Smith que perdeu 186 kg.

minimize-me-banner1

Você acredita que este cara na foto embaixo:

Já foi assim:

Este é David Smith que perdeu 186 kg. Quando ele começou a perder peso ele nunca imaginava que iria perder mais de 100 kg. Hoje ele se considera uma outra pessoa e para conseguir esta façanha ele se propôs a 2 coisas: nunca desistir e não por expectativas muito difíceis. “Eu sempre tive como meta perder 10 kg e depois mais 10 kg e por assim em diante.”

Veja as fotos logo antes da operação que ele fez para retirar o excesso de pele:

Esta é uma foto durante a operação:

E esta depois da operação:

E se você esta pensando qual tipo de operação ele fez, a resposta é NENHUMA. David perdeu todo excesso de peso só com reeducação alimentar e exercícios, é lógico que isto não foi de um dia para outro. Todo o processo levou mais de 2 anos mas agora que ele já sabe como se comportar em relação a comida eu duvido que voltará a ganhar peso.

É por isso que o Blog da Dieta dá os parabéns a David Smith, por conseguir mudar o curso de sua vida e por ensinar a muitas pessoas que perder peso é possível, você só precisa ter força de vontade.

minimize-me-banner1

Gostou deste post? Leia também:

Qual é o estado de um hambúrguer do McDonald’s depois de 12 anos?

7 Alimentos que você deveria comer todos os dias

Músculo pesa mais que gordura?

Tome uma atitude. Ame o seu coração

Calculador de calorias de cerveja automático

Caminhar 3 vezes por semana melhora o condicionamento físico

Uma travessia para a vida

Se gostou deste post, assine o nosso RSS Feed

Ou receba o nosso Feed por Email

Uma travessia para a vida

Há onze anos, eu tinha acabado de ter o meu filho, o Jorge, tinha uma pizzaria recém-inaugurada, indo de vento em popa. Fumava um cigarro atrás do outro, ficava acordado de madrugada e dormia pela manhã. Achava que tinha sete vidas, como um gato. De repente, meu coração deu sinais de que não agüentaria a vida sedentária e nem um pouco saudável. Tenho amigos que passaram pelo mesmo problema e, em vez de reagir, se entregaram, aceitaram o grito de socorro do coração como uma mensagem de que estavam velhos. Eu, não! Como num filme, revi minha vida até onde a memória consciente alcançou e decidi mudar radicalmente meu estilo de vida. Se não fizesse isso, certamente não teria mais vida para mudar. Larguei tudo aquilo que me fazia mal, começando pelo cigarro, e retomei o esporte da minha adolescência, a natação, até porque me sobravam poucas alternativas. Tenho problema na articulação do joelho, que me dificulta a prática de outros esportes.

Hoje, 30 quilos mais magro e visilvelmente mais saudável, me sinto mais jovem do que há dez anos atrás. E pronto para atingir o ponto mais alto da natação, que é o Canal da Mancha. Tenho nadado todos os dias de manhã e à tarde, tenho acompanhamento de nutricionista e de médicos. Mas a força maior para cruzar o Canal não vem desses profissionais, por melhor que eles sejam, e os que me assistem são muito competentes. A energia vem de dentro. Quando nadamos longos percursos, nos sentimos sós. O técnico e a equipe de apoio seguem num barco próximo, mas você não conversa com ninguém. A natação de longa distância é um mergulho em direção aos lugares mais escondidos da nossa alma. Enquanto damos as braçadas, conversamos conosco mesmos. Tem gente que não agüenta e desiste. Felizmente, aprecio esses momentos de solidão. E sei que saio das águas melhor do que entrei e fico feliz quando sei que melhorei o meu tempo. Não importa o tempo que os outros fizeram. Na natação, como na vida, o adversário mais duro está dentro de você. É esse adversário que você tem que vencer.

Nota do blog

Esta é parte da coluna escrita por Paulo Maia em 14 de maio de 2007. Em 22 de setembro ele consegui realizar o seu desejo e completou a travessia do Canal da Mancha. Ele completou a travessia de 32 km em 13h49min, que para min é um feito inacreditável.

Veja a sua descrição do esforço que é para realizar esta façanha: “Nas primeiras cinco horas, você se pergunta o que está fazendo ali. Da quinta à décima hora, você fica deprimido e sentindo cada pontada de dor. Daí por diante, você está entregue.”…”…até o final foi uma agonia, porque as dores nos ombros eram terríveis e as correntes, cada vez mais fortes.”

Porém não é isto que me fez colocar este post no blog mas a sua luta para mudar os seus hábitos e estilo de vida. Muitas vezes temos que nos deparar com situações complicadas em nossas vidas para nos fazer refletir e mudar, com Maia não foi diferente.

Aos 40 anos ele sofreu um enfarte e isto o fez repensar a sua vida por completo. Tenho certeza que não foi fácil, pois mudar o seu estilo de vida que era de uma pessoa sedentária desde os 20 anos e fumante de dois maços de cigarro por dia, não acredito que foi de um dia para outro.

Para finalizar deixo a resposta que Paulo Maia deu em uma entrevista explicando o porque de se submeter a este desafio.

“…certa noite, ao me entrevistar, a jornalista Mônica Bérgamo me perguntou: por que, aos 50 anos, você quer fazer essa travessia? Não seria melhor ficar tranqüilo, no seu canto, cuidando dos seus negócios?…eu quero mostrar que a vida não começa aos 40, como se dizia, mas aos 50, aos 60, aos 70. A vida começa todos os dias, não importa a idade. Quando nasce o sol, lá estamos nós, com essa carcaça que carregaremos até não sei quando, sendo convidados a fazer novos planos, a costurar idéias, a nos impor desafios. Isto é dizer ao mundo: tenho 50 anos e estou mais vivo do que ontem. Com licença, eu vou à luta. E que luta é essa? É a luta para superar seus limites. Dá uma satisfação danada viver nessa perspectiva.”

E você, esta esperando o que para mudar o seu estilo de vida? Um enfarte?

Fonte: Morumbi.Net


Vote no Blog clicando
no banner do topblog
Parceiros

Ajude a Divulgar
o Blog da Dieta

Blog da Dieta

Pegue o código
do banner
<a href="http://blogdadieta.com.br"
target="_blank"><img src="http://i491.
photobucket.com/albums/rr279
/alexmcosta/dieta-banner-120.jpg"
border="0" alt="Blog da Dieta"></a>
Ou se você preferir
pegue o código do link
<a href="http://blogdadieta.com.br"
target="_blank">Blog da Dieta</a>
Interessado em parcerias?
Clique aqui

Me Acompanhe no Twitter @alexmcosta

outubro 2017
S T Q Q S S D
« jul    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  
Grupos do Google
Blog da Dieta
Visitar este grupo