Posts Tagged 'baixo'

Alto consumo de refrigerantes está ligado a baixos níveis de potássio

Imagem Diego Normarefrigerantes

Uma matéria publicada no International Journal of Clinical Practice observou que consumidores de refrigerantes (dois a quatro litros por dia) estão em risco de hipocalemia, ou baixos níveis de potássio.

Esta é uma condição séria, que leva a fraqueza muscular, fadiga, vômitos, diarreia e até mesmo a problemas cardíacos.

A análise incluiu duas gestantes que bebiam três e sete litros de coca-cola por dia. Este estudo também incluiu um homem de 51 anos que bebia quatro litros por dia, porém ele se recusou a desistir, mesmo quando descobriu que o refrigerante era o responsável pelos sintomas.

Não há dúvida que terminar o hábito de beber refrigerantes pode ser bastante difícil para algumas pessoas. Este não é um problema para a maioria das pessoas pois elas não bebem litros e litros de refrigerante por dia. Porém as embalagens de refrigerantes que estão cada vez maiores significa que estamos bebendo mais do que nunca.

Na América do Norte as “vending machines” de refrigerantes oferecem embalagens de 24 onças, de modo que se você consumir dois destes por dia equivale a quase um litro e meio. Refrigerantes açucarados têm sido relacionados à obesidade, diabetes e síndrome metabólica.

Enquanto um refrigerante de vez em quando, não fere ninguém, se você tiver o hábito diário é melhor tentar parar de vez.

Dicas para você terminar de beber refrigerantes:

  • Diminua o consumo gradualmente. Se você bebe 4 refrigerantes por dia, substitua 2 por outra bebida.
  • Troque por refrigerantes diet, em seguida, mude para águas com sabor.
  • Assim que você estiver confortável com esta nova rotina, substitua o resto dos refrigerantes por uma bebida alternativa.
  • Ainda está vivo? Ótimo! Agora substitua os refrigerantes diet ou a água com sabor por água. Não gosta de água? Tente adicionar pedaços de fruta fresca.
  • Experimente outras bebidas como chás, leite, leite de soja, e água com gás – o objetivo aqui é principalmente se hidratar com água.
  • Não tenha refrigerante em casa.

Eu parei de beber refrigerantes no dia 10/2/09 (vale destacar que eu bebia 2 litros de pepsi ou coca diet por dia), que foi a data em que eu comecei o meu teste de ficar 3 meses sem comer doces. As vezes eu ainda tenho uma vontade de tomar um guaraná ou uma coca mas depois eu penso que eu já estou tanto tempo sem tomar refrigerantes então eu deixo pra lá, e na verdade eu acredito que eles não fazem mais falta.

E você, conseguiu quebrar o seu hábito de tomar refrigerantes? Compartilhe as suas dicas nos comentários, com certeza elas podem ajudar outras pessoas.

Fonte: Dietblog

Gostou deste post? Leia também:

Você quer perder peso? Comece eliminando o refrigerante

Andar como forma de exercício, qual será a quantidade certa?

Resfriado + Exercício, O que fazer? Aposto que a resposta vai te surpreender!

Você pensa que 30 minutos diários de exercícios são suficientes para perder peso? Ai vai uma dica, PENSE DE NOVO!!!

50% da população mundial se considera acima do peso

Só exercícios ajudam a perder peso?

Obesidade pode ser determinada antes dos 5 anos

Gene defeituoso está ligado a obesidade

Se gostou deste post, assine o nosso RSS Feed
Ou receba as atualizações por Email
Me acompanhe pelo Twiter
Anúncios

Baixo nível de vitamina D pode estar associado ao ganho de peso em garotas

Imagem Kelly Fick

sol

Em um artigo publicado em novembro de 2008 no The Journal of Clinical Endocrinology & Metabolism, investigadores no Centro de Saúde da Universidade McGill, em Montreal e da Universidade do Sul da Califórnia, EUA, relataram que meninas na fase pós-puberdade, que têm baixos índices de vitamina D, ganharam peso e tiveram crescimento atrofiado.

Noventa garotas com idades entre 16 e 22 anos foram avaliadas nos critérios altura, peso, gordura corporal, densidade óssea e nível de vitamina D. Em 59% das garotas, foi detectada insuficiência da vitamina. Estas demonstraram aumento de peso, massa e gordura corporal, além de tendência a ser mais baixa do que meninas com níveis suficientes de vitamina.

Nesta pesquisa observou-se que as mulheres jovens com insuficiência de vitamina D são significativamente mais pesadas, com um maior índice de massa corporal e aumento da gordura abdominal, do que as mulheres jovens com níveis normais da vitamina.

A ligação entre a saúde óssea e a vitamina D é bem conhecida, e estudos recentes sugerem que o aumento de vitamina D pode fornecer proteção contra alguns tipos de câncer, diabetes e esclerose múltipla. A vitamina D é também conhecida por favorecer o bom funcionamento do sistema imunológico.

A exposição à radiação ultravioleta do sol aumenta o risco de desenvolver câncer de pele, mas também aumenta a produção de vitamina D. Sempre que possível, permaneça no sol até às 09h ou após as 16, nestes horários temos maior segurança contra os raios ultra vermelhos. Mas não deixe de usar o protetor solar.

dra-daniela-jobst-nutricionista-funcional

Dra. Daniela Jobst é nutricionista e Pós Graduada em Nutrição Clínica Funcional e Bioquímica do Metabolismo pela VP/Consultoria Nutricional/Divisão de Ensino e Pesquisa, Especialista em Fisiologia do Exercício pela Escola Paulista de Medicina (UNIFESP), membro do Centro Brasileiro de Nutrição Funcional e do Instituto de Medicina Funcional dos EUA.
Atualmente atende em consultório particular em São Paulo.
Site: www.nutrijobst.com
Gostou deste post? Leia também:

Como amenizar a vontade de comer doces no inverno

Estudo japonês mostra que o consumo de café diminui risco de câncer de útero

Nutrição funcional pode curar doenças da tireoide

Má digestão causa sono, acne, olheiras, além de constipação intestinal e gordura localizada

Exercício e Glutamina – Metabolismo, imunidade e suplementação

Ninguém engorda por excesso de caloria

Cuide da sua saúde com o chá branco

Nozes – Um alimento ideal para o lanche da tarde

Se gostou deste post, assine o nosso RSS Feed
Ou receba as atualizações por Email
Me acompanhe pelo Twiter

O que fazer e não fazer para continuar a sua rotina de exercícios

Imagem SXC

bike-riding

Pare agora

Pare de comparar você com os outros. As vezes você nem sabe quanto tempo aquela pessoa passou se exercitando para atingir aquele belo corpo ou uma boa condição física. Sempre nos comparamos a pessoas que estão muito acima de nós e impor objetivos que são muito altos ou difíceis podem minar a sua força de vontade.

O que fazer

Cada ser humano é único e cada um tem o seu próprio ritmo. Uma pessoa que atinge uma boa ou excelente condição física mais rápido que você não quer dizer que ele(a) é melhor. Se você quiser fazer uma comparação, faça uma comparação com você mesmo. Compare, por exemplo, o ritmo do seu treinamento hoje com o de 30 dias atrás? Eu tenho certeza que você vai ver alguma melhora e isto vai te animar ou dar mais confiança de que você está no caminho certo.

Outros parâmetros para comparação podem ser:

  • Intensidade.
  • Tempo.
  • Número de repetições.

Pare agora

Não te ponha para baixo. Não use auto-críticas que vão te deixar de baixo astral ou fique com pensamentos negativos. Este tipo de atitude só tem um resultado, que é o de abandonar tudo o que você está fazendo e desqualificar os seus ganhos.

O que fazer

Pense positivo. Ao acordar ponha eu sua cabeça que hoje será um grande dia para realizar alguma coisa com perfeição ou para melhorar algo em sua vida. Não encare os exercícios como mais uma rotina, mas como algo que faz parte de tua vida como tomar banho, ir ao trabalho, comer e etc. Não pense que isto será uma tarefa fácil mas se você treinar todos os dias a pensar positivo você vai dar um grande salto para atingir os seus objetivos.

Outros exemplos de pensamentos positivos:

  • Hoje eu vou curtir o meu dia.
  • Não vou ligar para as críticas negativas.
  • Eu acredito em mim.
  • Hoje eu vou dar o melhor de mim nos exercícios.

Gostou deste post? Leia também:

7 dicas para perder peso com sucesso

Dez maneiras simples de aquecer o ímpeto em um regime de emagrecimento

3 dicas de como controlar os seus desejos por doces, salgadinhos ou qualquer outro tipo de alimento que venha atrapalhar o seu regime

Exercícios para os glúteos

Quantidade de calorias queimadas por exercício

Ginástica com Solange Frazão – Parte 2

Se gostou deste post, assine o nosso RSS Feed

Ou receba o nosso Feed por Email

Quinua o melhor e mais completo alimento de origem vegetal

Se você está procurando um alimento rico em proteína de alto valor biológico, carboidrato de baixo índice glicêmico (aquela que leva mais tempo para virar açucar no sangue) e ainda tem vitaminas, sais minerais e gordura boa, a procura acabou. Este achado se chama QUINUA !

A Quinua é um cereal, proveniente da Bolívia e é consumido pelos tribos andinas há mais de 500 anos. Cada grão contém 20 aminoácidos diferentes e ajuda na recuperação e manutenção dos músculos. Também, é uma fonte excelente de ferro, ideal para quem come pouco ou nenhuma carne vermelha. Outra vantagem é que contêm ômega 3, a gordura boa que limpa as artérias. A presença de uma mistura de fibras e vitaminas (C, E e especialmente as do complexo B) faz com que este cereal tem uma ficha nutricional tão boa que a FAO (Food and Agriculture Organization) da ONU considera a Quinua o alimento mais completo de origem vegetal.

A quinua está disponível em grão, farinha, flocos e até macarrão, e meio quilo custa entre 11 e 14 reais. Ele chega a triplicar de tamanho depois de cozido sendo que um pacote serve para várias receitas.

Fonte: Boa Forma


Vote no Blog clicando
no banner do topblog
Parceiros

Ajude a Divulgar
o Blog da Dieta

Blog da Dieta

Pegue o código
do banner
<a href="http://blogdadieta.com.br"
target="_blank"><img src="http://i491.
photobucket.com/albums/rr279
/alexmcosta/dieta-banner-120.jpg"
border="0" alt="Blog da Dieta"></a>
Ou se você preferir
pegue o código do link
<a href="http://blogdadieta.com.br"
target="_blank">Blog da Dieta</a>
Interessado em parcerias?
Clique aqui

Me Acompanhe no Twitter @alexmcosta

setembro 2019
S T Q Q S S D
« jul    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  
Grupos do Google
Blog da Dieta
Visitar este grupo
Anúncios