Posts Tagged 'dinheiro'

Saudável e barato – No final das contas os alimentos saudáveis são a melhor opção

Imagem abcdz2000

banca-verduras-legumes

Quando o orçamento familiar “aperta”, a primeira alternativa quase sempre são os pratos instantâneos. Mas, se realizarmos a matemática nutricional, existe melhor “barganha” no supermercado, quitanda ou frutaria.

Ricos em nutrientes, as frutas, vegetais, legumes e grãos baratos, são melhor opção se comparados aos pratos prontos que encontramos disponíveis nas prateleiras. Muitas pessoas acreditam que, para comer alimentos saudáveis, é preciso gastar muito dinheiro, é aí que mora o perigo.

O preço mais alto é pago pelas pessoas a longo prazo, quando a alimentação incorreta, começa a dar sinais no corpo, tanto com relação ao peso, quanto a doenças causadas pela má alimentação. Muitos pratos caros são repletos de sal, açúcar e gordura trans, além de terem pouco ou até nenhum valor nutricional.

“Sugiro a ingestão de nove porções diárias de frutas e vegetais. Se você seguir esta orientação, sobrará pouco espaço para junk food.

Três regras para compras baratas e saudáveis são:

Compre alimentos da estação e em promoção: planeje o menu do dia com base nesses alimentos;
Recheie: incremente sua alimentação com frutas e vegetais, que satisfazem devido às fibras e impedem os famosos “lanchinhos” fora de hora;
Orgânico ou convencional? A opção orgânica é a mais saudável, mas em tempos de “dinheiro curto”, compre os alimentos convencionais que tem menor risco de pesticidas: cebola, aspargo, brócolis, avocado, abacaxi, manga, kiwi e banana.

Faça render as economias: passe reto pelos pratos prontos, adicione estes alimentos para a sua lista de compras, e encha seu carrinho:

• Raízes: as raízes são ricas em antioxidantes. Frescas, cruas e raladas em salada são saudáveis, mas você também pode assá-las. Ex: beterraba, cenoura, aipim.
• Repolho: barato, este crucífero vegetariano é repleto de nutrientes, mas alguns são liberados apenas pelo processo de cozimento. Experimente cozido no vapor ou em saladas.
• Conservas de sardinha e atum: sardinhas são ricas em ômega-3 e cálcio, e tem baixo teor em mercúrio. O atum é barato, rápido e uma saudável fonte de proteína. Misturar em saladas ou em lanches com pão integral.
• Abóbora: rica em beta-caroteno satisfaz sem muitas calorias. Experimente com canela e noz-moscada.
• Aveia: redutora de colesterol, a aveia é uma pechincha nutricional, especialmente quando comprada a granel. Tente comer aveia no café da manhã com frutas e nozes.
• Ovos: uma das mais baratas fontes de proteína. Podem ser mexidos com legumes e ervas picadas para uma rápida e nutritiva refeição.
• Frutos e sementes: saudável em gorduras e proteínas, as nozes, amêndoas, sementes de abóbora e gergelim devem fazer parte da dieta de todos. Compre sem sal e coma pequenas porções puras, com lanches ou em saladas.
• Feijão: traz proteína e fibra para a sua dieta. Pode ser ingerido com o famoso arroz, integral se possível, ou como húmus para um lanche rico em proteínas.
• Grãos integrais: arroz integral, massas de grãos integrais, como quinoa e outros, são ótimas opções para as refeições, especialmente quando misturados com nutritivos legumes, feijões e leguminosas.

dra-daniela-jobst-nutricionista-funcional

Dra. Daniela Jobst é nutricionista e Pós Graduada em Nutrição Clínica Funcional e Bioquímica do Metabolismo pela VP/Consultoria Nutricional/Divisão de Ensino e Pesquisa, Especialista em Fisiologia do Exercício pela Escola Paulista de Medicina (UNIFESP), membro do Centro Brasileiro de Nutrição Funcional e do Instituto de Medicina Funcional dos EUA.
Atualmente atende em consultório particular em São Paulo.
Site: www.nutrijobst.com
Anúncios

5 desculpas que não colam mais

flat_stomach-2

Você está sempre adiando para começar a comer uma alimentação mais saudável? Você sempre espera até segunda-feira para começar uma dieta, ou até que todas as estrelas estejam alinhadas para começar com o pé direito?

É sempre fácil de achar desculpas para começar uma dieta ou para mudar os seus hábitos alimentares e começar a comer uma alimentação mais saudável. Mas em muitas vezes estas razões são de fato apenas desculpas. Tome estas cinco, por exemplo:

1. Eu tenho uma festa em duas semanas, e depois vou entrar em férias. Por isso eu vou começar a dieta depois…

Se você comer de forma sensata e saudável por duas semanas, você vai estar em melhor estado de espírito para fazer uma boa escolha sobre as comidas e bebidas na festa. Mesmo que você ganhe um pouco de peso nas férias, não passe as 2 semanas de antecedência para ganhar peso também!

2. Eu não tenho nenhuma força de vontade. Se há petiscos na casa, eu vou comê-los.

Todos nós temos força de vontade, e ela fica mais forte na medida em que você vai praticando. Se você encontrar dificuldades para obter uma auto-disciplina, basta tirar todos os salgadinhos e doces para fora da casa ou pelo menos colocá-los em algum lugar inconveniente. Isto torna muito mais difícil a sucumbir ao impulso!

3. Eu não tenho dinheiro para comprar comida saudável.

Vamos lá, você sabe que isto não é verdade. Você não precisa pagar caro para comprar alimentos dietéticos, faça uma escolha sensata e compre os alimentos básicos como carne magra, frutas e verduras. Se tiver que economizar basta parar de comprar aquele salgadinho, cafezinho, chocolate, refrigerante ou qualquer outro tipo de alimento que você sabe que não é essencial para sua dieta.

4. Eu não posso cozinhar ou não tenho tempo para cozinhar, por isso eu sempre como fora, e nunca há uma opção saudável.

Essa é simples, aprenda a cozinhar! Compre um livro com receitas fáceis de fazer e que sejam simples e saudáveis, como um molho à base de tomate. Não é muito difícil não, e muitos pratos levam apenas alguns minutos para se preparar. Se o tempo é realmente um problema, tente fazer grandes refeições que possam ser congeladas em porções individuais.

5. Eu fui gordo toda a minha vida, e eu não acho que eu posso mudar.

Não importa por quanto tempo você foi gordo, você sempre pode conseguir mudar os seus hábitos alimentares. De um passo de cada vez, e não sonhe com resultados instantâneos. Tenha como objetivo de adquirir um novo hábito saudável por semana, como parar de beber refrigerantes ou de comer a quantidade necessária de frutas ou legumes por dia.

Agora é a sua vez, qual é a sua desculpa favorita? Se você conseguiu superar um vício antigo, como o fez? Deixe a sua dica nos comentários, com certeza vai ajudar outras pessoas.

Fonte: Dietblog

Gostou deste post? Leia também:

Bons hábitos alimentares dos pais tem pouca influência para os filhos

As 12 principais causas de mortes evitáveis nos Estados Unidos. E você faz parte destes grupos?

Mãe gasta mais de 30.000 reais para se parecer mais como a… FILHA!!!

Médico troca carro pela bicicleta

O que é que a baiana tem?

Seria a barriga de chopp um mito?

Comer é prazeroso para você?

O estresse pode causar aumento no peso

Se gostou deste post, assine o nosso RSS Feed
Ou receba as atualizações por Email
Me acompanhe pelo Twiter

Vote no Blog clicando
no banner do topblog
Parceiros

Ajude a Divulgar
o Blog da Dieta

Blog da Dieta

Pegue o código
do banner
<a href="http://blogdadieta.com.br"
target="_blank"><img src="http://i491.
photobucket.com/albums/rr279
/alexmcosta/dieta-banner-120.jpg"
border="0" alt="Blog da Dieta"></a>
Ou se você preferir
pegue o código do link
<a href="http://blogdadieta.com.br"
target="_blank">Blog da Dieta</a>
Interessado em parcerias?
Clique aqui

Me Acompanhe no Twitter @alexmcosta

outubro 2017
S T Q Q S S D
« jul    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  
Grupos do Google
Blog da Dieta
Visitar este grupo