Posts Tagged 'excesso'

O banco dos gordinhos do metrô de São Paulo

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

Gostou deste post? Leia também:

Comerciais de fast food contribuem para a obesidade infantil

Crianças obesas podem ter a idade vascular de uma pessoa com 45 anos

Médicos fazem alerta sobre geração de obesos no país

Obesidade Infantil, Brasil Pode Alcançar EUA

Propagandas, igual a alimentos pouco saudáveis

Obesidade no Brasil – Gráficos

Se gostou deste post, assine o nosso RSS Feed

Ou receba o nosso Feed por Email

Anúncios

Ninguém engorda por excesso de caloria

Imagem SXC

ovo-frito

“Ninguém engorda por excesso de caloria. Se fosse assim não teriam pessoas que se entopem de comer porcarias e não engordam. A gente engorda por um desequilíbrio hormonal”.

A afirmação acima é do estudioso sobre alimentação Leandro Zanutto, que há dez anos pesquisa engenharia biomédica para investigar as respostas orgânicas que os alimentos provocam.

As velhas dietas que levam em consideração os valores calóricos dos alimentos são “vazias”, na opinião de Zanutto. “Tudo no seu corpo funciona de acordo com os hormônios. Eles são a chave para o funcionamento do organismo. Então, se eles estiverem desequilibrados, todo o resto vai estar também”, explica.

Outra frase interessante de Zanutto: “Sou contra o consumo de leite. O ser humano não foi feito para tomar leite, ainda mais de outra espécie. Nem o bezerro toma leite da própria mãe depois que cresce. São mais do que conhecidos os efeitos alérgicos do leite”.

Segundo o pesquisador, apesar de o leite ser uma boa fonte de cálcio, ele deve ser ingerido através de outras fontes de alimento como por exemplo: amêndoas, brócolis, couve-manteiga, castanha do pára. Zanutto sugere que o leite deve ser consumido apenas fermentado, na forma de iogurte ou queijos bem curados. De acordo com o Ministério da Saúde 56% da população consome leite integral, que contém um alto teor de gordura.

O pesquisador também critica a pirâmide alimentar sugerida pelo Ministério da Saúde que é formada por 70% de carboidratos e 30% de proteínas. “A alimentação do brasileiro é riquíssima em carboidrato, a cesta básica inclui uma latinha de atum que não dá nem para o consumo diário de proteína para uma pessoa. E entre carboidrato, proteína e gordura, o carboidrato é o que a pessoa menos precisa em termos nutricionais. Não em termos energéticos, em termos nutricionais”, explica Zannuto.

Zanutto ressalta que a alimentação deve ser voltada para o equilíbrio hormonal. Para isso, é necessário adotar uma dieta em que as proporções de carboidratos, proteínas e gorduras sejam mais equilibradas, e lembrar que frutas e hortaliças também são carboidratos.

Para ele, a diminuição na ingestão de carnes com gordura, observada pelo ministério por meio da pesquisa Vigitel, feita em todas as capitais com pessoas adultas, não é um fator que vá necessariamente ajudar na queda da obesidade – doença que já atinge 13% da população. “A queda no consumo de carnes gordurosas pode ser considerado um avanço sim, porque essa gordura não vai trazer benefícios diretos para o organismo, e esse consumo excessivo pode ser prejudicial porque a gordura poderá colar no interior das artérias. Mas não é de todo ruim o consumo de gorduras com as carnes, porque alguns tipos de gorduras estimulam a sensação de saciedade, fazendo com que a pessoa coma menos”, explica Zanutto.

O pesquisador ressalta ainda que o consumo de gordura não está diretamente ligado à obesidade. “Acharam um vilão para a obesidade e tentam associar isso à gordura, sendo que comer gordura não te faz mais gordo, não necessariamente vai aumentar seu colesterol. O consumo de carboidrato com toda certeza está mais relacionado ao excesso de peso e obesidade”.

Para finalizar, Zanutto também critica a comum substituição do açúcar pelo adoçante. Segundo ele, nenhum dos dois faz bem, mas o aspartame – uma das substâncias que dá o efeito adocicado na maior parte dos adoçantes – é muito mais prejudicial à saúde. Assim, segundo o pesquisador, o ideal é que as pessoas deixem de usar os dois e passem a consumir os alimentos naturalmente doces, como as frutas. “A maioria das frutas já é adoçada naturalmente, mas o paladar já está tão viciado pelo açúcar dos produtos industrializados que as pessoas não sentem o gosto”.

Fonte: O DIA <online>

Gostou deste post? Leia também:

Gorduras também combatem a obesidade – [ômega-3 e ômega-6]

Os prós e os contras da carne vermelha

Dieta dissociada

Dieta do tipo genético

Proteína para os seus músculos

Chá vermelho, o poderoso da família Camellia Sinensis

O poder das frutas antioxidantes

Conheça 5 alimentos que ajudam na queima de gordura corporal de forma natural

Se gostou deste post, assine o nosso RSS Feed

Ou receba o nosso Feed por Email

Obesidade pode ser determinada antes dos 5 anos

obesidade-infantil

Um recente estudo feito na Inglaterra determinou que a grande parte do excesso de peso adquirido por uma criança é determinado antes dela entrar para a escola. Através deste estudo uma das grandes teorias de que o culpado para a obesidade infantil era a comida servida nas escolas cai por água abaixo.

Segundo o professor Terry Wilkin, o peso dos bebês que nascem hoje em dia são similares aos de 25 anos atrás, mas ao chegarem na puberdade eles adquiriram mais gordura se comparado com as crianças da mesma idade na década de 80.

“É muito difícil de determinar a provável causa”, disse Wilkin. Porém as maiores porções que são servidas hoje em dia e os alimentos mais calóricos podem ser um dos fatores.

Outro fato interessante é que 90% das meninas obesas já adquiriram o seu excesso de peso antes de entrarem para a escola, para os meninos a porcentagem fica na casa dos 70%.

Isto significa que um dos grandes culpados para a obesidade infantil é a alimentação e não a falta de exercícios, televisão ou videogames.

Vale destacar que nunca é muito cedo ou muito tarde para mudar os seus hábitos.

Fonte: BBC News

Gostou deste post? Leia também:

São Francisco em Pé de Guerra contra a Coca Cola

Suspensas propagandas de produtos emagrecedores

Los Angeles, uma cidade em dieta

Alabama (EUA) Multará Funcionários Públicos por Obesidade

Fim da Gordura Trans é Voltar à Época da Banha, diz Indústria

Obesidade Infantil, Brasil Pode Alcançar EUA

Se gostou deste post, assine o nosso RSS Feed

Ou receba o nosso Feed por Email


Vote no Blog clicando
no banner do topblog
Parceiros

Ajude a Divulgar
o Blog da Dieta

Blog da Dieta

Pegue o código
do banner
<a href="http://blogdadieta.com.br"
target="_blank"><img src="http://i491.
photobucket.com/albums/rr279
/alexmcosta/dieta-banner-120.jpg"
border="0" alt="Blog da Dieta"></a>
Ou se você preferir
pegue o código do link
<a href="http://blogdadieta.com.br"
target="_blank">Blog da Dieta</a>
Interessado em parcerias?
Clique aqui

Me Acompanhe no Twitter @alexmcosta

junho 2019
S T Q Q S S D
« jul    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
Grupos do Google
Blog da Dieta
Visitar este grupo
Anúncios