Posts Tagged 'peso'

Cinta boneless belt mais um produto bizarro para perda de peso

Boneless-Belt

Só faltava essa, agora inventaram uma cinta onde você parece aqueles pedaços grandes de presunto que promete acelerar a sua perda de peso!

Segundo o fabricante o segredo da cinta vem através da pressão que ela exerce sobre o abdomêm, isso exerce um maior fluxo de sangue que faz acelerar a perda de peso! Tá bom a gente finge que acredita.

Bom nem vou me prolongar mais neste assunto pois é pura perda de tempo, se você é consciente e tem um mínimo de QI sabe que isto é pura balela, mas caso esteja interessada, você pode ir aqui e comprar uma. Só um pequeno detalhe, o site é em japonês.

Anúncios

A dieta de Cambridge

dieta-cambridge

Ao verificar as estáticas do meu blog hoje, eu verifiquei que muitas pessoas que tinham chegado ao meu blog através dos sistemas de busca, tinham feito através da pesquisa pela dieta de Cambridge.  Mas que eu me lembre eu nunca tinha escutado nada sobre esta dieta e resolvi dar uma pesquisada.

O que é a dieta de Cambridge?

A dieta de Cambridge foi desenvolvida em 1970 pelo Dr. Alan Howard na Universidade de Cambridge, Inglaterra.
Ela consiste em um programa de controle de calorias variando de 415 a 1500 kcal/dia.

É fabricada no Reino Unido, e foi lançada em 1984. Em 1986, a dieta foi ligeiramente reformulada para aderir às recomendações feitas pela Comissão sobre aspectos médicos.

Existem diferentes produtos dentre eles shakes, sopas, barras de cereal, chás entre outros.
A dieta é combinadas com a adição de sais minerais, vitaminas e ácidos graxos para reduzir a perda de nutrientes, que é uma característica típica de uma dieta de baixa caloria.

A minha opinião.

É seguro?
Conforme eu peguei as informações no wikipédia me parece que é, pois ela foi reformulada para atender algumas recomendações médicas.

Funciona?
Existem casos em que pessoas conseguiram perder peso, por isso eu não posso dizer que não funciona, afinal de contas, aqui no blog nós já mostramos um caso de um croata que perdeu 73kg com uma dieta de cebola e alho!

Porém eu não acredito que a perda de peso seja por uma longa duração, pois simplesmente esta dieta não te ensina a fazer boas opções alimentares, ela simplesmente te encentiva a comprar o produto que eles fabricam. E depois quando você enjoar das sopas, shakes e barrinhas de ceral, o que você vai comer? Quais serão as suas escolhas? Será que você vai ter aprendido alguma coisa sobre alimentação?

Estas são as grandes dúvidas que me vêem a cabeça quando eu leio algo em torno sobre estas dietas milagrosas onde mostram pessoas que perdem muito peso em um curto espaço de tempo.
No final das contas quem decide é você, mas se alguém pedisse a minha opinião eu recomendaria uma reeducação alimentar junto com exercícios.

13 Mitos sobre dietas

Imagem Geo Cristianbarriga

Eu achei estas dicas no diet blog e achei super interessante. Você não vai achar a fórmula mágica mas com certeza alguma destas dicas podem te dar uma ajudinha na sua dieta.

Uma coisa que temos que botar na cabeça é que para uma dieta dar certo o principal fator é você.

1. Você não precisa de exercício para perder peso
Obviamente você pode perder peso sem exercício, no entanto a melhor maneira de perder peso e ficar em forma é combinar uma dieta saudável com exercícios regulares. O simples fato é que o exercício é importante, independentemente do seu peso atual.

2. Pular o café da manhã ajuda a perder peso
Na realidade, estudos indicam que quando você corta o café da manhã, você está mais susceptível a consumir mais calorias no final do dia para compensar. Além do mais, ficar sem café da manhã não é bom para o seu estado metabólico e de humor também.

3. Comer a noite dificulta o emagrecimento
Um estudo do Dunn Nutrition Centre, em Cambridge, os voluntários foram submetidos a um teste em que mede calorias queimadas e armazenadas. Eles receberam um pequeno almoço e uma grande janta por um período experimental. Em seguida, um grande almoço e um jantar pequeno durante um segundo período de ensaio. Os resultados revelaram que consumindo uma grande refeição a noite, não fez o corpo armazenar mais gordura.

Portanto, é evidente que não é importante a que horas você come, mas o valor total que você consume em um período de 24 horas.

4. Certos alimentos são “bons” outros não
É bastante evidente que alguns alimentos são melhores do que outros, tais como frutas, legumes, nozes e etc. Mas, não tente me dizer que comer um pedaço de pão faz mal… isso é ridículo! Moderação é a resposta certa.

5. Alimentos com baixo teor de gordura são melhores para você
Se um produto que alega ser “fat free” (sem gordura ou diet), é mais do que provável que você encontrará um alto teor de açúcar. Lembre-se, “sem gordura” não significa necessariamente “baixas calorias” ou “sem calorias”. Para obter uma imagem mais clara do que está comendo, sempre verifique cuidadosamente os valores nutricionais.

Vale também salientar que uma dieta super restritiva isenta de gordura não é necessário, você precisa ter alguma gordura na sua dieta. Tente evitar gorduras trans sempre que possível, e substitua as gorduras saturadas por gorduras insaturadas que são encontradas nos óleos vegetais (canola, oliva, etc), abacates, nozes, etc.

6. O suco de fruta é tão bom quanto comer frutas
Meu lema é de sempre comer alimentos o mais próximo da sua forma natural e sucos realmente não se enquadram nesta linha facilmente. Embora não seja de todo mal, você poderia certamente se beneficiar muito mais comendo o fruto inteiro, e não adquirindo as calorias vazias do suco.

7. O ganho de peso é inevitável a medida em que você envelhece
Evidentemente a taxa metabólica cai com a idade, mas simplesmente comer um pouco menos pode consertar isso. O problema para a maioria das pessoas é que a atividade física diminui a medida que envelhecem. Portanto, se você quiser ter certeza de não ganhar aqueles quilinhos extras com cada passagem de aniversário, aumente o seu nível de atividade e observe a ingestão de calorias.

8. Perder peso rápido é a melhor solução
Na verdade, perder peso lentamente é muito melhor. Dessa forma você terá mais probabilidades de perder excesso de gordura, não músculo. Além do mais, você terá uma maior chance de manter sua perda de peso por um longo prazo.

9. Ao parar de fumar você ganhará peso
Embora seja verdade que algumas pessoas ganham peso quando param de fumar, isso não é o caso de todos. A nicotina aumenta o metabolismo do corpo, no entanto, este efeito é pequeno, e não é uma razão suficiente para deixar de fumar.

10. Perder peso irá resolver seus problemas
Se você tem problemas antes de perder peso, infelizmente, eles continuaram a existir após os quilos sumirem. Então, o que devo fazer? É importante que você seja honesto com você mesmo sobre a fonte das suas dificuldades e em seguida, defina metas realistas para ajudá-lo a conseguir o que pretende na vida.

11. Todo mundo ganha peso durante as férias
É possível desfrutar das suas férias e ainda perder peso, ou pelo menos ficar com um peso constante. Como? Comer com moderação. Se você assumir que vai ganhar peso durante as férias, é um pouco como uma profecia de auto-preenchimento. Comece com uma atitude positiva e seja realista no que você pode alcançar.

12. O meu “metabolismo lento” é que me impede a perder peso
Infelizmente as pessoas estão se tornando cada vez mais sedentárias e provavelmente esse é um fator crucial para os problemas crescentes com o ganho de peso.

Um estudo publicado na BBC:

Os cientistas mediram a quantidade exata de calorias que pessoas com sobrepeso e peso saudável queimam enquanto estão sentados ou deitados em silêncio. Isso foi feito através da medição da quantidade de oxigênio inalado e na quantidade de dióxido de carbono exalado.

Os resultados destes estudos têm mostrado que as pessoas com sobrepeso gastam mais energia para manter seu corpo funcionando. Isto é porque possuem corpos maiores com mais músculos e órgãos internos.

No entanto, após tomar em consideração as diferenças no tamanho do corpo, os magros e as pessoas obesas têm demonstrado que possuem taxas metabólicas similares.

13. Consumir alimentos gordurosos levam a um ganho de peso rápido
Na realidade ganhar peso é um processo bastante lento. Se você comer uma refeição muito gordurosa e a balança acusar que você ganhou uns quilos, é muito provável que este ganho é devido aos líquidos. Se você voltar a comer comidas saudáveis novamente os quilos extras vão desaparecer.

Gostou deste post? Leia também:

Desmistificando as porções de frutas e verduras

20 dicas para emagrecer de um ex-gordo

Dicas dos visitantes

10 dicas para ajudar a sua dieta

O que fazer e não fazer para continuar a sua rotina de exercícios

7 dicas para perder peso com sucesso

Dez maneiras simples de aquecer o ímpeto em um regime de emagrecimento

3 dicas de como controlar os seus desejos por doces, salgadinhos ou qualquer outro tipo de alimento que venha atrapalhar o seu regime

Se gostou deste post, assine o nosso RSS Feed
Ou receba as atualizações por Email
Me acompanhe pelo Twiter

Troca de selo – Participe do Desafio Blog da Dieta

troca-de-selos-10-12.5

Hoje eu posso dizer que tive uma “mini conquista”!!!  Consegui trocar o selo dos 10 kg perdidos para 12,5 kg.

Pode até parecer uma coisa pequena mas eu acho importante celebrar estas pequenas conquistas, pois vendo em um passado não muito distante eu tinha dores no joelho e as minhas camisas mal cobriam a minha barriga, e hoje com 13,2 kg a menos estes problemas já não acontecem mais.

Além do mais é muito legal de ver um selo com um maior número ali ao lado.  E agora vamos que vamos rumo ao 15 kg perdidos.

Participe você também do Desafio Blog da Dieta e pegue o seu selo aqui

Algumas pessoas já estão participando:

Marcelo Costa – Blog do Marcelo_O

Cristiane Baciliere – Blog Sendo perseverante

Cleo – Diminuindo a cada dia…..

Visite o blog deles e deixe uma mensagem.  Aproveite e participe deste desafio, eu tenho certeza que você pode atingir o seu objetivo.

Se você já estiver participando, me mande um email com o link do seu blog ou site, e toda sexta-feira eu vou colocar aqui um link dos novos participantes.

Abraço a todos e bom feriado.

Baixo nível de vitamina D pode estar associado ao ganho de peso em garotas

Imagem Kelly Fick

sol

Em um artigo publicado em novembro de 2008 no The Journal of Clinical Endocrinology & Metabolism, investigadores no Centro de Saúde da Universidade McGill, em Montreal e da Universidade do Sul da Califórnia, EUA, relataram que meninas na fase pós-puberdade, que têm baixos índices de vitamina D, ganharam peso e tiveram crescimento atrofiado.

Noventa garotas com idades entre 16 e 22 anos foram avaliadas nos critérios altura, peso, gordura corporal, densidade óssea e nível de vitamina D. Em 59% das garotas, foi detectada insuficiência da vitamina. Estas demonstraram aumento de peso, massa e gordura corporal, além de tendência a ser mais baixa do que meninas com níveis suficientes de vitamina.

Nesta pesquisa observou-se que as mulheres jovens com insuficiência de vitamina D são significativamente mais pesadas, com um maior índice de massa corporal e aumento da gordura abdominal, do que as mulheres jovens com níveis normais da vitamina.

A ligação entre a saúde óssea e a vitamina D é bem conhecida, e estudos recentes sugerem que o aumento de vitamina D pode fornecer proteção contra alguns tipos de câncer, diabetes e esclerose múltipla. A vitamina D é também conhecida por favorecer o bom funcionamento do sistema imunológico.

A exposição à radiação ultravioleta do sol aumenta o risco de desenvolver câncer de pele, mas também aumenta a produção de vitamina D. Sempre que possível, permaneça no sol até às 09h ou após as 16, nestes horários temos maior segurança contra os raios ultra vermelhos. Mas não deixe de usar o protetor solar.

dra-daniela-jobst-nutricionista-funcional

Dra. Daniela Jobst é nutricionista e Pós Graduada em Nutrição Clínica Funcional e Bioquímica do Metabolismo pela VP/Consultoria Nutricional/Divisão de Ensino e Pesquisa, Especialista em Fisiologia do Exercício pela Escola Paulista de Medicina (UNIFESP), membro do Centro Brasileiro de Nutrição Funcional e do Instituto de Medicina Funcional dos EUA.
Atualmente atende em consultório particular em São Paulo.
Site: www.nutrijobst.com
Gostou deste post? Leia também:

Como amenizar a vontade de comer doces no inverno

Estudo japonês mostra que o consumo de café diminui risco de câncer de útero

Nutrição funcional pode curar doenças da tireoide

Má digestão causa sono, acne, olheiras, além de constipação intestinal e gordura localizada

Exercício e Glutamina – Metabolismo, imunidade e suplementação

Ninguém engorda por excesso de caloria

Cuide da sua saúde com o chá branco

Nozes – Um alimento ideal para o lanche da tarde

Se gostou deste post, assine o nosso RSS Feed
Ou receba as atualizações por Email
Me acompanhe pelo Twiter

Websérie – Minimize Me – Ep 9 – Último capítulo da primeira temporada

Depois de 10 episódios (contando com o ep. piloto) a websérie Minimize Me vai chegando ao fim da primeira temporada.

Neste episódio eu conto um pouco as minhas experiências e aprendizados sobre as minhas tentativas passadas de perder peso.

Minimize Me é uma websérie onde você vai poder acompanhar as minhas aventuras para atingir o meu peso ideal.

Agora eu estou utilizando músicas que estão de acordo com a licença Creative Commons e que são gratuitas para baixar e escutar, ou seja se você gostar das músicas, você pode baixa-las legalmente.

As músicas deste episódio:

Shearer – Ordinary man

Corrientes – Planet

OBS:

O Blog ainda está de férias 🙂

Gostou deste post? Leia também:

Websérie – Minimize Me – Ep 8 – A importância de seguir o plano

Websérie – Minimize Me – Ep 7 – Uma semana difícil

Websérie – Minimize Me – Ep 6 – Açucar

Websérie – Minimize Me – Ep 5 – Exercícios

Websérie – Minimize Me – Ep 4 – Análises e Resultados

Websérie – Minimize Me – Ep. 3 – Dieta Atkins

Websérie – Minimize Me – Ep 2 – O calendário

Web Série Minimize Me – Episódio 1 – O plano

Minimize Me – Websérie – Episódio Piloto

Se gostou deste post, assine o nosso RSS Feed
Ou receba as atualizações por Email
Me acompanhe pelo Twiter

Websérie – Minimize Me – Ep 8 – A importância de seguir o plano

Depois de uma semana bem difícil, nada como um dia apos o outro e seguir focado no seu plano inicial, pois se você não desistir, com certeza será recompensado pelo seu esforço.

Minimize Me é uma websérie onde você vai poder acompanhar as minhas aventuras para atingir o meu peso ideal.

Agora eu estou utilizando músicas que estão de acordo com a licença Creative Commons e que são gratuitas para baixar e escutar, ou seja se você gostar das músicas, você pode baixa-las legalmente.

A música deste episódio:

Shearer – Ordinary man

Gostou deste post? Leia também:

Websérie – Minimize Me – Ep 7 – Uma semana difícil

Websérie – Minimize Me – Ep 6 – Açucar

Websérie – Minimize Me – Ep 5 – Exercícios

Websérie – Minimize Me – Ep 4 – Análises e Resultados

Websérie – Minimize Me – Ep. 3 – Dieta Atkins

Websérie – Minimize Me – Ep 2 – O calendário

Web Série Minimize Me – Episódio 1 – O plano

Minimize Me – Websérie – Episódio Piloto

Se gostou deste post, assine o nosso RSS Feed
Ou receba as atualizações por Email
Me acompanhe pelo Twiter

Vote no Blog clicando
no banner do topblog
Parceiros

Ajude a Divulgar
o Blog da Dieta

Blog da Dieta

Pegue o código
do banner
<a href="http://blogdadieta.com.br"
target="_blank"><img src="http://i491.
photobucket.com/albums/rr279
/alexmcosta/dieta-banner-120.jpg"
border="0" alt="Blog da Dieta"></a>
Ou se você preferir
pegue o código do link
<a href="http://blogdadieta.com.br"
target="_blank">Blog da Dieta</a>
Interessado em parcerias?
Clique aqui

Me Acompanhe no Twitter @alexmcosta

outubro 2017
S T Q Q S S D
« jul    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  
Grupos do Google
Blog da Dieta
Visitar este grupo