Posts Tagged 'população'

Dia 16 de Abril – Dia da Dieta

Imagem SXCfita-metrica

Hoje eu fui informado pelo Guga do Blog Alagoas Real que este dia é o Dia da Dieta!  Vou admitir que não tinha a mínima idéia mas como eu tenho um blog que trata do assunto eu deveria saber.

Para não deixar em branco eu resolvi fazer uma pesquisa e colher alguns dados sobre a obesidade no Brasil.

A cirurgia bariátrica (diminuição do tamanho do estômago) aumentou 542% desde 2001 na rede de Sistema Único de Saúde (SUS)

  • 2001 – 497 procedimentos – A um custo de R$ 1,237 milhão para o SUS
  • 2008 – 3.195 procedimentos – A um custo de R$ 15,736 milhão para o SUS

Estados que fizeram o maior números de operações:

  • São Paulo – 1.068
  • Paraná – 954
  • Santa Catarina – 344

Relação Homens x Mulheres

  • Homens – 556
  • Mulheres – 2.639

Estima-se que o Brasil tenha 3,73 milhões de obesos mórbidos (IMC maior do 40kg/m²).

_____________________

Um levantamento divulgado pela Coordenadoria de Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável (Cosans) da Prefeitura de Porto Alegre, mostra que há mais moradores de rua obesos do que desnutridos no município.

  • 78% estão dentro dos padrões normais de nutrição.
  • 15% estão obesos.
  • 4% estão desnutridos.

Número de refeições por dia:

  • 30% – afirmaram fazer três refeições diárias.
  • 21% – duas
  • 21% – uma
  • 18% – quatro
  • 4% – cinco
  • 2% – seis

_____________________

O estudo Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), produzido pelo Ministério da Saúde e pela Universidade de São Paulo (USP), mostra que 43,3% da população estão com o peso acima dos níveis recomendados (sobrepeso) e 13% estão obesos.

Confira com outros anos:

  • 2007 – 12,9% dos brasileiros estavam obesos.
  • 2006 – 11,4%.

O Estudo Nacional de Despesa Familiar (ENDEF), de 1975, mostrava que 2,8% dos homens e 7,8% das mulheres eram obesos.

_____________________

Estudo da Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo, em parceria com o Centro de Estudos do Laboratório de Aptidão Física de São Caetano do Sul revela que os idosos são os que menos praticam atividades físicas entre os paulistas.

  • Idosos – 8,4% são totalmente sedentários e 29% são irregularmente ativos.
  • 14 aos 18 anos – 11,4% de sedentários e irregularmente ativos.
  • 19 a 29 anos – 18,3%.
  • 30 a 39 anos é a segunda com maior prevalência de sedentarismo ou prática de atividade física insatisfatória, sendo 21,2%.
  • 40 aos 49 – 18,2%.
  • Entre a população em geral, este índice é de 19,4%.

_____________________

De acordo com o estudo Vigilância e Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel)

  • Índice de pessoas que consomem carne com gordura caiu de 39,2% em 2006 para 33,8% em 2008
  • O consumo de frutas e hortaliças cinco dias na semana subiu 23,9% para 31,5%.
  • Quando a quantidade observada são os 400 gramas diários recomendados pela Organização Mundial de Saúde (OMS)o número de pessoas que alcançam o valor também subiu de 5,6% em 2006 para 15,7% em 2008.
  • 56,5% dos brasileiros tomam o leite integral (com gordura).
  • O consumo de leite gorduroso cai com a idade e com o aumento da escolaridade, mas sempre fica acima de 40% da população.
  • O consumo de refrigerantes também é alto, 27,8% da população ingere o produto regularmente.
  • Quando se trata de jovens entre 18 e 24 anos, o número sobe para 39%.

Fonte: Globo.com – G1, ABESO, Agência Brasil

Anúncios

50% da população mundial se considera acima do peso

Imagem SXC

planeta-terra

Vote no sim e ajude o vídeo a chegar na TV

A empresa Nielsen divulgou uma pesquisa (feita em 52 países) onde consta que 50% da população se considera acima do peso.

Aqui vai alguns dados interessantes da pesquisa:

  • 60% da população do mundo está lutando com o seu peso.
  • 50% se considera com sobrepeso.
  • 10% com problemas de peso abaixo da média.
  • 78% dizem que vão mudar a sua dieta.
  • 69% pretendem se exercitar mais.

Abaixo são as respostas dos entrevistados sobre quais táticas vão usar para perder peso:

  • 69% dizem que vão reduzir o consumo de gorduras.
  • 65% pretendem reduzir o consumo de chocolates e açúcar.
  • 53% vão comer mais alimentos naturais e frescos.
  • 46% pretendem comer o mesmo, porém menores porções.
  • 29% tem vontade de comer menos alimentos processados.
  • Menos de 10% vão usar outros planos de dieta, como a dieta Atkins, vigilantes do peso ou outros programas.

A Nielsen dividiu os países em 5 regiões mas existem alguns pontos em comum entre as regiões pesquisadas, são eles:

  • Os consumidores de todas as regiões pretendem combinar mudanças na alimentação e aumento de exercícios para perder peso.
  • Em quatro das cinco regiões, as pessoas em dieta disseram que o mais provável para atingir o peso ideal seria a eliminação do consumo de alguns grupos alimentares. A única exceção foi a Ásia, onde os pesquisados disseram que comeriam a mesma comida mas com maior moderação.
  • Cerca de 20% dos participantes em quatro regiões sentem que já consomem uma dieta saudável, a exceção ficou com os norte-americanos que reconheceram que poderiam melhorar seus hábitos alimentares.
  • 14% consideram que a sua dieta atual plano era saudável.
  • Andar a pé é de longe o exercício preferido em todas as cinco regiões.
  • Em quatro das cinco regiões, o segundo tipo de exercício preferido é se exercitar em academias

Alguns dados curiosos da América Latina e Mercados Emergentes:

  • 12% se consideram abaixo do peso. (América Latina e Mercados Emergentes)
  • 41% acham que estão com o peso ideal. (América Latina e Mercados Emergentes)
  • 57% responderam que estão tentando perder peso. (América Latina)
  • 14% das pessoas dos mercados emergentes vão utilizar remédios, barras ou shakes para perder peso. (América Latina)
  • As pessoas pesquisadas que são nativas dos Mercados Emergentes foram as mais susceptíveis a alegar que não se exercitam mas estão em forma. As razões para isso pode ser por seguir uma dieta melhor e um estilo de vida que promove a caminhada e por possuir empregos menos sedentários.

Cerca de metade dos consumidores estão confusos com a quantidade de informação sobre dietas e alimentação saudável e acham que as informações disponíveis no mercado, muitas delas são conflitantes. Quando perguntado onde eles obtêm as melhores informações sobre dieta e alimentação saudável as respostas foram as seguintes:

  • 68% citaram médicos e profissionais médicos.
  • 36% na Internet.
  • 34% contavam com programas televisivos e documentários.
  • 29% através de livros sobre dieta e nutrição.
  • 25% confiam na informação nutricional das embalagens.
  • 17% através da família.
  • 14% encontraram informações em revistas.
  • 13% utilizam jornais.
  • 11% tomam decisões através das informações de amigos.
  • 5% obtém informações na hora da compra no supermercado e folhetos.

Fonte: Nielsen

Vote no sim e ajude o vídeo a chegar na TV

Gostou deste post? Leia também:

Fim da Gordura Trans é Voltar à Época da Banha, diz Indústria

Só exercícios ajudam a perder peso?

Obesidade pode ser determinada antes dos 5 anos

Gene defeituoso está ligado a obesidade

Todas as calorias não são iguais

Manter um peso saudável diminui as chances de contrair o mal de Alzheimer

Se gostou deste post, assine o nosso RSS Feed

Ou receba o nosso Feed por Email


Vote no Blog clicando
no banner do topblog
Parceiros

Ajude a Divulgar
o Blog da Dieta

Blog da Dieta

Pegue o código
do banner
<a href="http://blogdadieta.com.br"
target="_blank"><img src="http://i491.
photobucket.com/albums/rr279
/alexmcosta/dieta-banner-120.jpg"
border="0" alt="Blog da Dieta"></a>
Ou se você preferir
pegue o código do link
<a href="http://blogdadieta.com.br"
target="_blank">Blog da Dieta</a>
Interessado em parcerias?
Clique aqui

Me Acompanhe no Twitter @alexmcosta

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

setembro 2017
S T Q Q S S D
« jul    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Grupos do Google
Blog da Dieta
Visitar este grupo